close

FILIPE FAÍSCA | FW 18/19

6 SENTIDO

Contra-cultura. Vestidos leves esvoaçam ao som das canções. Organdi e flores – tão Woodstock, baby.
Os dedos percorrem o pano desenhando à linha criações pueris. Corpos inocentes envoltos em tecidos fluídos. Preto, branco, vermelho. Quem falou em sedução? Apenas mulheres. Livres, agora. Um toque de menta para refrescar as notícias que chegam. Lampejos de verde tropa, de dourados. O mundo continua em guerra. Cai o pano para deixar a verdade a descoberto. Nem sempre estamos preparados para o que vamos ver...

Por Sandra Nobre
 

INSPIRAÇÃO
Começa-se por revisitar a História contada através do tradicional Bordado da Madeira – cuja origem remonta ao século XV com a descoberta da ilha às mãos das fidalgas, apesar de só desde meados do século XIX estar documentada a sua venda e exportação – integrando-o no guarda-roupa da mulher moderna. A viagem começa no Núcleo Museológico do Instituto do Vinho e do Bordado da Madeira (IVBAM, IP-RAM), mergulhando no arquivo existente, rico em toalhas de mesa, colchas ou aplicações bordadas, e numa visita às casas das bordadeiras espalhadas pelo território insular, onde a arte, que se tornou um motor económico e um cartão de visita da Madeira além fronteiras, se executa diariamente com cantigas à mistura.

COLEÇÃO
Filipe Faísca já nos habituou a juntar o legado do artesanato português às suas criações, elevando-o à singularidade que caracteriza o segmento de luxo. Explora as matérias-primas e as técnicas, que adapta, reproduz e recria. Junta-se a tradição às tendências de moda, o labor das bordadeiras ao das costureiras, num trabalho artesanal que requer minúcia e perfeição e que faz com que não existam duas peças iguais. Ao mesmo tempo, esta é a afirmação da identidade nacional, mais além dos souvenirs e das peças utilitárias, mas como peças originais que vão ao encontro de uma mulher sofisticada, exigente, prática e moderna às mãos do designer de moda.
Surgem assim vestidos para festas e cocktails, camisas, túnicas, casacos, calças, saias. A coleção 6 SENTIDO pretende mostrar diferentes formas de olhar e usar o Bordado da Madeira.
Por outro lado, vivem-se tempos de afirmação da mulher. Quebra-se o silêncio. Cai o pano. O mundo assiste à guerra em direto. Impotente. O que se vê é mais do que a vista alcança. 6 SENTIDO é também um manifesto em nome da liberdade, da verdade, da consciência do papel de cada um na sociedade, contra a indiferença.

MATERIAIS
Organdin, linho, seda, viscose, lã. 

TEXTURAS
Bordado Madeira

CORES
Ametista . branco, cru, marfim, preto meia noite, vermelho.

COLLANTS
Wolford

SAPATOS
Roger Vivier

ÓCULOS
Olhar de Prata by Filipe Faísca 

CRIADOR: Filipe Faísca
DESIGNER ASSISTENTE: Filipa Térrio
CABELOS: Helena Vaz Pereira para griffehairstyle
MAQUILHAGEM: Antónia Rosa
COREOGRAFIA: Isabel Branco
BANDA SONORA: Paulo Seabra

AGRADECIMENTOS: Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira, (IVABM ; IP-RAM) . Associação ModaLisboa . Alexandre Sousa . Casa do Turista . Cláudia Faísca . Conceição Santos . Elite Lisbon . Ganesh . Ismael Prata. João Eduardo de Sousa Lda . Joaquim Sá . José Barreto . Maria Antónia Linhares . Mario Janeiro . Maria João Macedo . Maria José Baptista . Maria Miguel . Mário de Carvalho . Marta Trindade . Mirian Fernandes . Patricio & Gouveia Lda. . Paula Luisa Jardim Duarte . Paula Nave . Paulo Bairos . Pedro Morgado . Rita Costa . Sara Lopes . Tânia Lau li . Tatiana Tomaili . Teresa Albuquerque . Teresa Madeira . Tiago Alves . Tiago Freitas . Rodolfo Morgado . Vanda Gonçalves

APOIO

PARCEIROS


Pedido de Imagens

Concordo com a Polí­tica de Privacidade